fbpx

Santander cria linha de microcrédito para empreendedores; Confira

Por conta da crise gerada pela pandeia do novo coronavírus, diversas instituições financeiras têm pensado em estratégias para auxiliar os trabalhadores. O Santander é um exemplo. Na última quinta-feira, 30, o banco anunciou uma linha de microcrédito voltada para proprietários de bancas de jornal.

Segundo um levantamento feito pelo banco, existem cerca de 400 mil bancas de jornais espalhadas pelo país. O principal objetivo da linha de microcrédito é reformar o estabelecimento, capacitar os empreendedores e assim, aumentar o número de serviços. Os empréstimos variam entre R$ 15 mil e R$ 60 mil.

Quem pode participar?

Os interessados em participar dessa linha de microcrédito do Santander devem ter a licença regularizada da banca. Além disso, será necessário que o empreendedor faça um dos cinco tipos de cursos de capacitação oferecidos:

  • Florista;
  • Chaveiro;
  • Manicure;
  • Reparo de celular;
  • Costura.

Como ter acesso à linha de microcrédito?

Para ter acesso, é necessário que o proprietário se inscreva pelo site do Santander. Nessa etapa, deverão ser informados alguns dados, como nome completo, telefone, CPF/CNPJ, e-mail, CEP, endereço completo da banca e o novo ofício de interesse (se for o caso). Quando concluída a etapa, uma equipe fará a avaliação.

Enquanto a banca for organizada, os proprietários, que na maioria são Microempreendedores Individuais (MEI), podem fazer o curso de capacitação. Em primeiro momento, esses cursos serão realizados em plataformas online, por conta do isolamento social.

O empreendedor poderá escolher em quantas parcelas pretende pagar o microcrédito (12 a 24 vezes). A taxa corresponderá a 2,99% ao mês. Além disso, caso o proprietário instale uma TV de LED na banca para passar conteúdo publicitário do Santander, até um terço da dívida será abatido.

Leia também: Santander e Bradesco oferecem empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa


Fonte: Edital Concursos Brasil

%d blogueiros gostam disto: